TRANSLATE

quinta-feira, 29 de setembro de 2016


FRANÇA
FAMOSOS SABONETES DE MARSELHA





Quando passeamos pela baixa de Marselha, há algo que nos chama a atenção, os cheiros inconfundíveis dos Sabonetes de Marselha. 
Mas estes sabonetes/ sabão também tem sua história:


História essa que atravessa milénios…
Segundo pode constatar, tudo começou na Antiguidade, nas margens do mar Mediterrâneo, com o Sabonete de Alepo (Cidade na atual Síria).
Este sabão tinha como base uma mistura de sebo, cinzas e gordura de cabra ( extraída muitas vezes do leite de cabra) muito utilizados em casa nesta época.
Na Idade-Média foi inventado o seu processo de fabricação. Com matérias-primas disponíveis em abundância, como o Azeite, o Sal e o Hidróxido de sódio ou Soda ( podendo estes sabonetes hoje em dia serem confeccionados em casa) a Provença era a região de eleição para a produção de sabonetes. Mais tarde, o Óleo de Coco veio aperfeiçoar a formulação original.
No Séc. XVII, Marselha torna-se na única cidade de França com poder para fabricar sabonetes, segundo as regras afixadas pelo Rei Luis XIV de França. É assim que surge o nome do processo de fabricação: Sabão de Marselha.Com o passar dos anos o Sabão de Marselha adquiriu a sua notoriedade, e digo-vos, que são de textura cremosa, e um cheiro que se Espalha pela casa! 
No Séc. XIX, a indústria dos sabonetes desenvolve-se e organiza-se. Marselha mantém-se o principal local de produção com mais de uma dezena de saboneterias espalhadas por várias ruas, e também nos mercados de rua, que pelo que me apercebi funcionam aos fins de Semana.
Hoje, o Sabão de Marselha continua a despertar curiosidade, sendo reconhecido no mundo inteiro e muito apreciado pelas  suas qualidades ecológicas. 

Sem comentários:

Enviar um comentário